• Imagem cabeçalho site ppge - projetos

Histórico e Contextualização do PPGE/UEFS

Histórico e Contextualização PPGE/UEFS – Mestrado Acadêmico

 

O Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) – Mestrado Acadêmico, da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), área de concentração Educação, Sociedade e Culturas, foi aprovado pela Resolução CONSEPE/UEFS 129/2010 e recomendado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior (CAPES) em dezembro de 2010. Suas atividades tiveram início no primeiro semestre de 2011, abrindo um ciclo de interiorização da pós-graduação em educação no estado da Bahia.

 No Estado da Bahia, esse Programa tem reconhecida importância e visibilidade acadêmica, para além da região na qual está inserido, o que pode ser constatado pelo número de inscritos em seus processos seletivos anuais, com significativa inserção na formação de profissionais da educação básica, ensino superior e instituições educativas diversificadas, e demais espaços de educação não-formal. Ressalta-se ainda a reconhecida participação em redes de pesquisa de caráter nacional, regional e local, assim como em espaços políticos representativos do debate educacional (associações, conselhos, conferências e fóruns).

Desde 2016, além das vagas regulares estabelecidas nos Editais, o curso tem aberto espaço para a recepção de estudantes Latino-Americanos, por meio da parceria do PPGE como o Programa de Alianças para a Educação e a Capacitação (PAEC/OEA/GCUB), com bolsa de estudos. Em todos os processos seletivos a avaliação dos candidatos põe em relevo a conexão dos seus objetos de estudo com as pesquisas realizadas por docentes do PPGE. Todas as pesquisas desenvolvidas, colocam o tema da educação em pauta, mapeando seus cenários regionais, locais e/ou nacionais, desvelando as lutas sociais, analisando políticas educacionais, enriquecendo o debate das culturas, currículo e formação docente, sob perspectivas epistemológicas, metodológicas e políticas diversas e que qualificam o campo de estudo da educação.

Recomendar esta página via e-mail: